Um pouco de classe

Se há coisa que eu, mero e comum (i)mortal tarado, acho, é que as mulheres estão a cada geração a perder o seu charme. A sua classe. O seu glamour. O seu saber estar. Longe vai o tempo em que as mulheres agradavam tão pouco, e só, pela sua postura e forma de estar. Hoje apenas a falta de roupa as faz serem desejadas. Neste capítulo não invejo a modernidade.
Saudades tenho do tempo em que o olhar de uma mulher me fazia desejá-la, tê-la, possuí-la.... e porque não dizê-lo: fodê-la!

Será culpa delas, ou do "machedo" ávido de consumo imediato?

2 comentários:

noname disse...

Será delas, sem dúvida. Perderam o charme a feminilidade que muita ou pouca roupa, não dá, quando muito engana.
Quase adoptaram, por completo, o estar do machedo
Olhar
Fisgar
Usar e deitar fora
Abrir a boca e, de curto, o vocabulário, ser preenchido com palavrões.
Agora a moda, parece ser. o ser-se mulher macho.
Mas, também, os cavalheiros escasseiam, a técnica subtil da conquista, terá deixado de ser necessária, no que parece ser, uma corrida para atingir os mínimos para as olimpíadas do sexo descartável, por uns e por outros.
Estará o machedo a provar o próprio veneno?
Pergunto eu, na minha ignorância.


M* disse...

De certa forma, considero que é "bem-feita". Muitos de vós estão mesmo a provar o próprio veneno, no que respeita à vossa utilização e descarte.
Quanto ao resto, penso que é "culpa" delas. Mesmo não sendo lésbica, valorizo muito mais uma mulher que saiba conquistar os homens vestida, do que achar que precisa mostrar tudo para ser desejada.
Dogmas modernos.