Putas em molho vinagrete de Santas

Como já perceberam pelo título, eu percebo de culinário como um urso percebe de bater asas. Sou assim, um tipo dotado de um conhecimento baseado no nada, e que tudo diz sem nada saber (nem acertar). A verdade pura e dura é que não me interessa minimamente nada, e que eu só percebo de seduzir e por conseguinte, espetar.



Mas uma coisa que eu não gosto mesmo é daquelas mulheres que são umas putas (no bom sentido), e que se fazem de santas! Eu, pela minha experiência, acho que todas as mulheres são umas valentes putas sempre que a companhia o merece, e querem! E se não o são, então é porque são umas ensosinhas na hora de dar à perna, vulgo foder. Não adiante se fazerem de santas, quando o putismo emana de vocês mesmas! 

E não há homem nenhum que não adore uma mulher lady na mesa e puta cama!

Mensagens


Eu sou um dorminhoco de primeira. Ninguém imagina as guerras que tenho com a cama e a almofada, para me por a pé, de manhã. Não sei explicar, mas é como se o colchão tivesse uma poderosa atracção sobre mim. Mas, há dias em que não custa, principalmente em dias como hoje em que acordo com uma sms a dizer:

"Vou guardar o adoro-te e o quero-te meu amigo para sempre, para outras ocasiões. Hoje leva-me para qualquer recanto que eu só quero ser a tua puta! Fode-me como se fosse uma qualquer!"

Nenhum homem resiste a isto!

Sexy Brain

A maioria das mulheres sofrem de um processo auto-degenerativo em que pensam que o corpo é o centro de toda a sexualidade. Mas não é!

O cérebro também pode servir de decote!

Menina, descubram o poder do vosso cérebro! Se tiverem um, claro!


Vision

Não somos aquilo que o mundo vê, mas sim aquilo que poucos encontram!


Burns like Hell!

Quando a razão falha, o diabo ajuda!


The Slut (that allways knows how to fuck you)

Eu sei que não parece, mas, quando o assunto são mulheres, eu sou um tipo altamente exigente e selectivo. Quando a coisa não me agrada, consigo sempre ser um cabrão sem sentimentos, sem coração, sem pirilau, sem rins, sem nada.... Nada que o mulheredo não saiba, pois se há coisa que sou sempre é transparente, directo e sincero. Todas as tipas que se envolvem comigo sabem que eu sou mais do que uma ONS (one night stand), mas sim sou um ONC (one night chance). Tudo o que venha depois da primeira queca, é um bónus apenas acessível a algumas raras mulheres boas de coração (eu queria escrever boas na cama, mas eu sei que estas merdas de usar a palavras sexo+coração dá sempre resultado). Chegar, foder (e bem) e partir para outra, este é o meu lema e o meu contrato!
A Putéfia é até este momento a queca do ano! Ou da década. Tudo entre nós começou com um pedido de amizade no Facebook, essa rede social que tem destruído famílias mas juntado prazeres, e após umas breves mas directas conversas, ambos percebemos que estamos na mesma rota: foder e andar! Daí a marcarmos um encontro num motel às portas do Porto foi uma rapidinha (das boas ahah). Não haviamos trocado fotos, nem descrições. Era o verdadeiro blind-date!
No dia marcado eu tinha uma reunião muito importante antes do encontro, e a mesma prolongou-se. Enviei sms à Putéfia, como homem educado que sou:

- Putéfia, desculpa, mas chegarei certamente uns 30 minutos atrasado.
- O meu tempo é muito valioso, despacha-te! - respondeu ela.
- Calma, verás que vai valer a pena a espera!
- Todos dizem isso!! Põe mas é prego a fundo e anda-me foder rápido que tenho mais que fazer!

Sentia nas mensagens delas alguma bravura, mas confiante fui com a certeza de que a iria mesmo compensar pelo atraso.

Chegado ao local combinado, tive a primeira surpresa: uma mulher de trintas, aparentando vintes, muito sensual, num vestido curto e provocador. "Uau" pensei para mim, ao mesmo tempo que olhava as maravilhosas e torneadas pernas. Putéfia entrou no meu carro e seguimos para o Motel, como préviamente combinado. Chegados ao quarto, a coisa não foi mansa. Encostei a Putéfia vigorosamente sobre uma mesa que havia, e beijoando-a, meti as minhas mãos por dentro do seu vestido curto, que não tardou a saltar fora do seu belo corpo! Com os mamilos expostos, explorei com a minha boca cada recanto do seu corpo, até que ela saboreou com mestria o meu pau, já teso, na sua boca. Na mesma medida em que a tesão subia, o corpo da Putéfia pedia mais, e eu não a fiz esperar, fodendo-a por trás, golpeando as suas nádegas com fortes estocadas! E com aquela visão do seu belo cú, decidi trocar e comer o belo rabo que tanto tesão me estava a dar! Após algumas estocadas fortes e fundas, e ao som dos berros da putéfia, ela veio-se toda para mim, e segundos após, eu retiro o meu pau teso, ainda com as veias a parecer querer sair do pau, e dei-lhe todo o meu néctar na sua boca! Uma deliciosa visão do tesão em pessoa, a terminar uma foda épica!



Ainda ficamos um pouco a conversar, e ainda tivemos tempo para uma cavalgadela!

As boas fodas não acabam, mas sim ficam eternizadas na nossa memória!

"The Sex Thing"

Se há uma conversa que me irrita profundamente, é a de que os homens não buscam nada mais do que sexo! Se isso fosse verdade, homens não casavam, não tinham filhos, não namoravam, e nem sequer constituiam família.
Quem diz isto, normalmente, são mulheres que nada mais têm a oferecer a não ser sexo. Nada nas mãos, nada nas mangas... nada na cabeça!

Por isso, meninas, se tudo o que têm para dar é sexo, não esperem do homem nada mais do que um interesse naquilo que podem oferecer. Ninguém vai à farmácia comprar cebolas, porque sabe que lá não oferecem cebolas para venda!



Fica a dica baby's!! Não precisam agradecer! ;)

Querida, ups que borrei a pintura!

Uma das queixas recorrentes quando a conversa entre os bravos machos alpha é acerca do tão desejado sexo oposto, é a de que elas demoram muito a vir-se! É sofrível, mais do que qualquer mulher pode imaginar, a quantidade de reclamações masculinas acerca deste ponto em concreto.
Eu, qual ignorante sexual, pergunto-me de forma recorrente qual o motivo desta frequente reclamação, já que quase todas as mulheres têm orgasmos comigo (quase, também falho hein!!!).



Não há fórmulas matemáticas quando de orgasmos femininos falamos, o que há é uma necessidade de conhecimento da parceira, dos seus timings, dos seus pontos eróticos e acima de tudo, lembrem-se, o principal orgão sexual é cérebro! Homens de Portugal, não descarreguem nas mulheres as culpas das vossas falhas! Apliquem-se, esperem por elas e vão ver o resultado.