Juntos ou separados!

É uma verdade sem qualquer espécie de contestação: aconteça o que acontecer, o mundo continua a girar sobre si mesmo e continuará também a rodar em torno do Sol! Parece um cliché, uma afirmação sem qualquer tipo de conteúdo, mas pensar nisto dá-me força para levar os meus dias. Dia após dia a nossa energia vai-se esgotando em tarefas, umas vezes motivadoras e enriquecedoras, outras nem tanto.
No meio disto tudo há ainda o sexo, o tal no qual sou completamente viciado. Sim, adicto, viciado, agarrado. Numa próxima vida poderei nascer não tão inclinado para dar prazer a uma mulher, há portanto que aproveitar nesta!


Sim, eu pecador me confesso! O que me dá mais prazer no sexo é ver todo o tesão na cara de uma mulher. Por isso é que sou incapaz de o fazer sem me preocupar em primeiro com o prazer da parceiro. Tudo tem de estar conjugado para um belo orgasmo de ambos! Juntos ou cada um na sua vez.
Eu acho, e desmintam-me de estou errado, que é aqui que a esmagadora maioria dos homens falha: preocupam-se em primeiro com o seu próprio prazer! Não há nenhuma regra que o dite, mas mandam as regras do bom cavalheirismo que o homem espere pelo orgasmo da mulher em primeiro! E eu, adoro ver uma mulher a vir-se bem sentada a cavalgar no meu pau duro!


5 comentários:

Blackye disse...

Tens toda a razão! Os homens actualmente preocupam-se primeiro com o próprio prazer do que com o prazer da parceira. Depois admiram-se de serem "criticados" e acham que isso é sinónimo de serem menos masculinos.
Talvez se se preocupassem em se divertir no sexo, não haveriam tantas críticas e seria prazeroso para ambos.

Beijos, sr Charmoso

Miss B disse...

Concordo com o que dizes. A maioria dos homens querem saber do seu próprio prazer e ainda existem os tais que nem perguntam se atingimos o orgasmo...Mas por acaso nesse aspecto tenho tido sorte. Não só fazem questão de me fazer vir como as vezes se focam unicamente nisso esquecendo se do próprio prazer deles

Flor disse...

Velha máxima , Ladies first ! :)

Mara disse...

r: basicamente..

R* disse...

Eu sou a excepção à regra ou tenho pouca experiência mas sempre me se preocuparam muito comigo e com o meu prazer...serei a única? Não creio...