I'm turning into fucking what?



"Bom dia." Foi assim que hoje acordei, com ela a sussurrar-me as banais palavras de saudação ao ouvido. Ainda a dormir para mim mesmo, ela percorreu o meu corpo com beijos até se dedicar, com atitude, a dar-me aquilo que sabe que eu adoro, um belo orgasmo na sua boca.
Enquanto a sua língua se divertia na minha glande, eu, sem qualquer pudor, continuei a sonhar! Acordar assim faz-me bem, e este acto tem tanto de egoísta como de altruísta. Afinal, eu aceito dar-lhe o melhor de mim, o meu sémen na sua boca, sendo que neste acto apenas me centro na preocupação exclusiva pelo meu desejo.




5 comentários:

Blackye disse...

Andas muito sensível... estou a estranhar.

Charmoso disse...

Blackye, a sensibilidade não mora neste hemisfério.

Blackye disse...

Então disfarças bem...

Anónimo disse...

Humm how womanizer like.

Anónimo disse...

Acordaste a mamar num par de colhões?