Herrar é umano!


Tesão em pessoa, sempre em busca de novos aromas a pele salgada e a fluídos que buscam satisfação num corpo em ignição, eu estou sempre atento às oportunidades de satisfazer a minha animalesca necessidade sexual. Muitos podem considerar uma anomalia genética, uma distorção desviante do desenvolvimento psicológico. Eu encaro tudo isto como o vício de fumar, beber, jogar, bater uma, jogar ao berlinde ou coleccionar pacotes de açucar. Eu fodo na mesma medida em que alguns coleccionam chávenas de café. A metáfora até é boa: às vezes também "roubo" algumas das minhas amáveis/descartáveis em bares, cafés ou restaurantes!







ATENÇÃO: A HISTÓRIA QUE SE SEGUE NÃO TEM UM FINAL (ASSIM MUITO) FELIZ! PESSOAS FACILMENTE INFLUENCIÁVEIS NÃO DEVEM CONTINUAR A LEITURA, SOB O RISCO DE SE VIREM A MASTURBAR DIA E NOITE...

Foi na minha incessante busca pelo orgasmo que conheci a Enfermeira (that's a too long story). Adelante.... Metidos no carro, com conversas porcas sobre fodas maradas e técnicas do pinanço, dou por mim com a Enfermeira a procurar um sitío para foder!
- Foda-se - pensei eu - Mas esta puta é ainda mais maluca do que eu!?!?!?

Pergunto-lhe eu de imediato:

- Que estás a fazer, caralho?
- Oh Charmoso!! Não me digas que não me vais dar uma  boa foda!!!??
- Fodas dou quantas quiseres, boas é que já não prometo!!!  - brinquei eu sem saber o que me esperavaMas assim... confesso que não estou muito habituado a não ter eu a iniciativa. Até fico intimidado...
- Então habitua-te. Aqui quem manda sou eu
- GLUP (fiz eu mas ela não viu)

Mais tarada do que eu, mas num factor incrementado em vários graus acima de taradice, ela buscava incessantemente o sitio indicado para me papar. Encontrado o sitio, começamos na marmelada (e aí eu tentei ter a iniciativa, mas a boazona tesuda não deixava). Fode, não fode, passa gente, não passa, dou por mim agarrado às suas enormes mamas, e chupar-lhe ambos os bicos alternadamente. Ela, que em nada era poupada, agarra-se ao meu pau e inicia uma bela de uma punheta.

- Charmoso, tens de me foder!! - ordena a Enfermeira
- Nahhhhhhhhh! - respondi eu - Não há condições!!!

E sem que eu me aperceba, já ela se punha no banco de trás a chamar por mim. Brincamos um pouco, mexe aqui, mexe ali... até que ela me resolve montar:

- Vais-me deixar vir três vezes, não vais Charmoso?
- Claro minha puta, claro!
- Fode-me então! - diz ela com aquela carinha a tesão...
- Olha ......... vim-me! Foda-se!!! 
- Vieste nada!!!!!!!!!!!!!!!!
- Vim!!! Caralho!!!!
- Ahahahahahaha!!! Eu pedi três, mas contentava-me com uma bem dada Charmoso!!!

Bem, a verdade é que esta aventura teve um final pouco feliz. Aqui o Charmoso, talvez intimidado pela destreza e iniciativa da Enfermeira fodilhona, veio-se uns segundos após ela me montar.
É fodido. É a segunda vez na vida que me acontece, eu ainda me consigo rir da situação porque não lhe dou qualquer importância, mas a miúda não achou grande piada. As coisas não podem correr sempre bem, certo?

- Ficas-me a dever uma bem dada, ok garanhão??? - pediu ela na despedida....

Agora compete-me corrigir o enorme erro que foi encher a gaja de leitinho antes dela ter todo o seu merecido prazer. E eu até sou um gajo que só me esporro depois de perceber que a parceira está plenamente satisfeita... Para compensar esta mal dada, hoje vou a uma festa privada de sexo. Vou foder até me doer o meu dardo!!!!

Wanna come????

8 comentários:

desejo disse...

ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah!
Acontece ao melhor dos garanhões!
Festa privada?! Don't forget your condom.

:) desejo

Lisa disse...

Por vezes acontece destas coisas...
Mas nada que tu não consigas resolver numa proxima vez. ;)

Libertya... disse...

Ui que a desforra vai ser fodida... salvo seja!

Beijo da libertya

*Perdoa o palavrão sim?!?! loool

Docecaturrinha disse...

Segue os conselhos das amigas Lisa e Libertya.

*flor* disse...

Todos têm direito a uma segunda oportunidade!

beijo**

Blue... disse...

Agora resta saber,
A festa correu melhor ? :)))
Beijo Blue

Gatuzzi disse...

Ai ai... Quero saber como correu a segunda vez...

libidinis disse...

Que delicia...adorei ler este texto...parabéns pelo blog! Vou seguir feita parvinha ;)

libidinis